Você toparia viajar para um destino secreto?

Quem acompanha o blog há mais tempo sabe que um dos meus maiores hobbies é planejar nossas viagens, pesquisar sobre os destinos e fazer roteiros super detalhados. Mas mês passado experimentei um jeito completamente novo de viajar… Fui numa viagem surpresa com as amigas blogueiras Karine e Helo! Isso mesmo, fizemos as malas, fomos pro aeroporto, e só descobrimos o destino da viagem no portão de embarque!

O que fazer num final de semana em Brno, República Tcheca. #Viagem #Europa

O que faz num final de semana em Brno, República Tcheca

Brno - Viagem surpresa para República Tcheca

Viajamos a convite da agência ATO Tours pra conhecer esse conceito de viagem secreta e olha, eu já quero repetir a experiência! Mesmo amando fazer o planejamento, é tão legal ser surpreendida numa viagem… Seja com um restaurante que você descobriu e não estava no seu guia, ou então quando você desceu do ônibus no lugar errado e achou uma pracinha super fofa, são esses momentos inesperados que tornam a viagem ainda mais especial. E quer um jeito melhor de ser surpreendida do que viajar sem saber pra onde está indo?

Achei uma ideia genial pra quem não curte planejar viagens e só sabe que quer ir pra algum lugar em tal data gastando até X, ou então um grupo de amigas (como no nosso caso!) que quer passar o final de semana conhecendo um lugar novo mas ninguém tem tempo de planejar, ou não conseguem bater o martelo num destino… E pra quem, como eu, ama planejar mas também ama sentir aquele friozinho na barriga quando é surpreendido!

Se a ideia de não poder escolher nada te assusta um pouco – calma! Dá pra escolher algumas coisas como a temperatura do destino, se você prefere hotel ou apartamento, o tipo de grupo (amigos, casal ou viajando sozinho), o valor por pessoa e os atrativos que são importantes pra você (arte, compras, natureza, vida noturna etc.), além do que na minha opinião é o mais legal: onde você NÃO QUER ir. Seja porque já foi e não gostou, seja porque prefere viajar pra onde você fala a língua ou apenas porque quer conhecer um país novo, acho importante ter essa opção. No nosso caso eu listei todos os países que já conhecia, e fomos surpreendidas com…

A República Tcheca!!

Brno - Viagem surpresa para República TchecaBrno - Viagem surpresa para República Tcheca

Claro que eu estava morrendo de curiosidade e na noite anterior mal consegui dormir de tão animada pra viagem começar… O Peter, dono da ATO Tours, foi nos encontrar no aeroporto na hora marcada e a ansiedade era tanta que eu não conseguia parar de sorrir! ahaha foi MUITO legal quando ele abriu o envelope com o destino da nossa viagem: Brno, a segunda maior cidade da República Tcheca!

Além do efeito surpresa e de não ter que se preocupar com nada, eu acho que o mais especial de ir numa dessas viagens secretas é justamente conhecer um lugar que você talvez nunca tivesse considerado. Eu queria muito conhecer a República Tcheca mas sempre pensava em Praga, então foi muito empolgante descobrir que a gente estava indo pra uma cidade não tão conhecida. E também ter a chance de viajar sem aquela ideia pre-concebida de tudo que “tem que visitar”, tendo todo o tempo pra explorar aquele lugar sem essa pressão que temos quando já lemos muito sobre um destino, sabe?

Brno - Viagem surpresa para República Tcheca

Vista da torre da catedral

Brno - Viagem surpresa para República Tcheca

Praça da Liberdade e o relógio astronômico

Além das nossas passagens e do voucher do hotel, o Peter trouxe vários panfletos e guias sobre Brno e ficamos lendo sobre a cidade antes da hora do embarque. Foi aí que descobrimos que Brno é conhecida pelos seus cafés hipster muito fofos (foi ótimo poder parar pra beber algo quentinho ao longo do dia, já que chegamos a pegar uma sensação térmica de -18 ºC!) e também pelos bares onde fechamos as nossas noites na cidade.

O mais famoso da cidade é o Bar que não existe (e que nome maravilhoso!), mas eu preferi o Bar Rotor por causa dos drinks criados na hora. Lá eles não tem cardápio, você diz o que gosta e o barman inventa um drink pra você – foi um dos mais gostosos que tomei na vida e me arrependi de não perguntar exatamente o que ele tinha colocado pra tentar repetir!

E quando veio a conta, mais uma surpresa… Como comer e beber em Brno é barato! Comparando com Londres, onde nós três moramos, a sensação é que estávamos vivendo um eterno happy hour “dois drinks pelo preço de um” ;) Imagino que em Praga o custo seja um pouco maior por ser a capital, então se você quer visitar um novo país, curte visitar bares, quer se acabar na culinária local e não está podendo gastar muito, recomendo passar um final de semana delícia em Brno.

Além das atrações gastronômicas, Brno me surpreendeu com mais um Patrimônio Mundial da UNESCO e uma atração que me trouxe muitas lembranças boas: a Villa Tugendhat! Projetada pelo arquiteto alemão Ludwig Mies van der Rohe, essa casa foi uma das que estudei quando fazia arquitetura e nunca na minha vida imaginei que poderia visitá-la.

Villa Tugendhat em Brno, República Tcheca
Villa Tugendhat em Brno, República Tcheca

Villa Tugendhat em Brno, República Tcheca

As obras de Ludwig são algumas das mais importantes e icônicas do movimento modernista e mesmo sem ter estudado nada de arquitetura você com certeza já foi influencido por ele –  sabia que é de Mies a frase “menos é mais”? ;)

Foi bem especial andar pelos jardins da casa, tirar muitas fotos e pensar o quanto a vida nos surpreende… Se eu dissesse pra Thaís de 10 anos atrás que ela estaria morando na Europa, visitando a Villa Tugendhat e trabalhando com algo completamente diferente, ela não teria acreditado. Um minuto de silêncio pelas coisas lindas que podem acontecer se a gente acreditar nos nossos sonhos e batalhar por eles ok eu estou emotiva hoje.

Apesar de ser a segunda maior cidade da República Tcheca, Brno é bem pequena e suas atrações podem ser vistas em um dia (o que eu não recomendo fazer, porque aí você não vai ter tempo de curtir os cafés e os bares). Além da Villa Tugendhat, visitamos a catedral da cidade (não deixe de subir na torre!), a antiga prefeitura, o castelo, o centrinho e também as atrações subterrâneas.

Brno abriga o segundo maior Ossário da Europa, embaixo da antiga pracinha da Igreja de St James, onde estão os ossos de mais de 50 mil pessoas. Os ossos de pessoas que já haviam morrido há mais de 10 anos iam para esse ossário conforme os cemitérios iam ficando cheios, e o ossuário de Brno só perde para as catacumbas de Paris. A entrada custa 140 coroas (cerca de R$ 22) e é um passeio bem interessante se você nunca entrou num lugar assim.

Outra atração subterrânea bem famosa em Brno é o Labirinto, um conjunto de passagens e salões usados na Idade Média que só foi descoberto em 1999. Essas caves ficavam embaixo das casas e eram usadas pra conservar comidas (tipo uma geladeira medieval!), maturar vinho e cerveja, e hoje em dia podem ser visitadas em um tour guiado.

Foi uma delícia conhecer uma cidade nova com as meninas, num país que eu nunca tinha visitado e de um jeito tão diferente. Fiquei com muita vontade de repetir a experiência com Nic e agora quero saber: você toparia viajar sem saber pra onde?

Eu, a Karine e a Helo gostamos tanto da viagem que estamos inclusive planejando fazer isso com você, leitor(a) que nos acompanha e que também adora uma aventura. Então se você mora em qualquer lugar da Europa e gostaria de viajar com a gente pra um destino secreto, deixe o seu email que nós vamos entrar em contato assim que tivermos mais detalhes :-) Já estou contando os dias!

  • Quer fazer uma viagem secreta? Entre em contato com a ATO Tours e diga que chegou lá por recomendação da Thaís :-)
  • Leia os posts sobre nossa viagem no Aprendiz de Viajante e no Blog Brazuka
  • Me siga nas redes sociais para acompanhar todas as viagens e dicas em tempo real: InstagramYouTubeFacebook e Twitter. Também compartilho muita inspiração de viagens que fiz e quero fazer no Pinterest do blog!

SaveSave

RELATED POSTS