O que fazer em um dia em Brighton

Há algumas semanas, quando o verão ainda estava dando as caras aqui por Londres, Nic e eu aproveitamos o calor para passar um dia em Brighton. Eu já conhecia a cidade – fui para um evento do trabalho em maio e peguei um dia de sol tão lindo que até aproveitei pra ficar trabalhando na beira da praia – mas Brighton definitivamente é um desses lugares onde vale a pena voltar muitas vezes!

Um dia em Brighton: O que fazer na praia mais famosa da Inglaterra.

Palácio Real de Brighton - Sete Mil Km - Um dia em Brighton

Praia de Brighton, Inglaterra - Sete Mil Km - Um dia em Brighton
Pub em Brighton, Inglaterra - Sete Mil Km - Um dia em Brighton
Casinhas de praia coloridas em Brighton - Sete Mil Km - Um dia em Brighton
Pier de Brighton - Sete Mil Km - Um dia em Brighton
Vista do pier de Brighton - Sete Mil Km - Um dia em Brighton

O que começou como uma vila de pescadores ao sul de Londres se transformou numa das cidades mais turísticas da Inglaterra, com um conjunto de atrações que vão desde uma antiga residência real até barraquinhas na beira da praia, um observatório da British Airways, dois píers e muitas lojas independentes. A cidade é muito colorida e criativa, e apesar de ser tão jovem quanto os bairros mais hipsters de Londres, as pessoas tem aquela tranquilidade de quem mora perto do mar, sabe?

Minha primeira dica pra quem estiver pensando em conhecer Brighton é: passe mais de um dia. Eu quero muito voltar e passar um final de semana lá, mas se não tiver como, é bom acordar cedo e se programar pra passar umas 1oh batendo perna na cidade. Tem bastante coisa pra ver em Brighton, e num dia de sol também é imprescindível separar um tempinho pra não fazer nada na beira da praia :-)

Entrada do Royal Pavilion em Brighton - Sete Mil Km - Um dia em Brighton

A PRAIA E O ROYAL PAVILION

Chegando em Brighton, a primeira coisa que recomendo fazer é seguir a multidão em direção à praia! Da estação de trem até a orla é praticamente uma linha reta, repleta de lojas e cafés, e em menos de 15 minutos colocamos os pés na areia nas pedras.

Depois de matar um pouco da saudade da praia, tirar fotos do mar e respirar o ar puro, a próxima parada é conhecer o Royal Pavilion. A antiga residência real é a principal atração turística de Brighton – sem contar a praia, claro ;) – e foi construída para George, Príncipe de Gales, que mais tarde viria a se tornar o rei George IV.

Vista da orla de Brighton - Sete Mil Km - Um dia em Brighton
Vista da orla de Brighton - Sete Mil Km - Um dia em Brighton
Royal Pavilion em Brighton - Sete Mil Km - Um dia em Brighton

George sofria de gota, e como seu médico prescreveu estar perto do mar como uma terapia alternativa pros seus problemas de saúde, o príncipe escolheu a praia preferida dos ricos e famosos da época – Brighton. Ao longo das décadas a pequena casa que existia no local foi sendo reformada e expandida, até virar o palácio que podemos visitar hoje em dia.

O responsável por esse último projeto foi o arquiteto inglês John Nash, e o mais curioso é ver o estilo oriental em que o palácio foi construído. O Rei George IV era fascinado pela estética oriental, e mesmo sem os arquitetos e decoradores terem pisado na China ou Índia, o palácio é uma mistura surreal do oriente com o ocidente. Mas se o exterior do palácio já impressiona pela loucura que é ver um prédio assim numa cidade praiana da Inglaterra, foi visitando a parte de dentro que meu queixo caiu.

Infelizmente não é permitido tirar fotos lá dentro, mas imagine uma coisa meio Palácio de Buckingham misturado com Game of Thrones, estilo rococó e todos os clichês de arte oriental num só lugar. São dragões e cobras por toda parte, tapeçaria com motivos chineses (ou a interpretação européia dos desenhos chineses…), palmeiras e pássaros tropicais, e tudo tão extravagante e colorido que eu não sabia pra onde olhar primeiro.

Royal Pavilion em Brighton - Sete Mil Km - Um dia em Brighton
Royal Pavilion em Brighton - Sete Mil Km - Um dia em Brighton
Royal Pavilion em Brighton - Sete Mil Km - Um dia em Brighton
Royal Pavilion em Brighton - Sete Mil Km - Um dia em Brighton

Dá para visitar os aposentos do rei e da Rainha Victoria – que também passou um tempo no palácio -, as salas de baile e até a cozinha real, decorada com alguns dos ingredientes usados no dia a dia do palácio. Quando estiver na cozinha (que tem palmeiras como colunas, claro!) não deixe de procurar pelo cardápio de um dos jantares de gala oferecidos pelo rei em janeiro de 1817, com 36 pratos principais e 32 acompanhamentos (!)

E não dá pra falar do Royal Pavilion sem mencionar o Banqueting Room, o salão onde aconteciam os jantares luxuosos para a corte e os convidados do rei. Assim como no restante do palácio a decoração é de inspiração chinesa, mas nesse salão a principal atração é um lustre deslumbrante de uma tonelada, que está pendurado nas garras de um dragão de prata (!). Só ver esse salão já foi o suficiente pra fazer o passeio para Brighton valer a pena, é uma das coisas mais espetaculares que eu já vi na minha vida!

The Lanes, lojas em Brighton - Sete Mil Km - Um dia em Brighton

THE LANES

O palácio é pequeno e em duas horas dá pra ver tudo com calma, o que deixa muito tempo de sobra para visitar The Lanes sem pressa. O complexo de ruas e bequinhos tortuosos cheios de lojas de antiguidades, cafés hipster e boutiques era o coração da antiga vila de pescadores, e hoje é a parte mais colorida de Brighton.

Por lá sempre tem artistas de rua tocando, moradores e turistas fazendo compras, famílias passeando… Um desses lugares onde o melhor a se fazer é andar sem rumo e se surpreender pelo caminho, sabe? E depois que cansar, sentar num café bonito pra ver a vida passar com um docinho e um copo de iced coffee na mão :-)

Restaurantes em Brighton - Sete Mil Km - Um dia em Brighton
Pub em Brighton, Inglaterra - Sete Mil Km - Um dia em Brighton
The Lanes - Brighton - Sete Mil Km - Um dia em Brighton
Loja de artesanato em Brighton - Sete Mil Km - Um dia em Brighton
Café em Brighton - Sete Mil Km - Um dia em Brighton

ONDE COMER EM BRIGHTON

E falando em café… Opções não faltam em Brighton, mas recomendo o Marwood! Faz tempo que eu não ia num café com uma vibe tão boa – os atendentes legais, a decoração meio louca misturando um monte de objetos aleatórios, o DJ tocando no meio da tarde de sábado, os cafés deliciosos – tudo é impecável!

Para o almoço ou um jantar mais cedo eu recomendo o Lucky Beach, um café/restaurante que fica bem na beira da praia. Aliás, na orla tem vários restaurantes dentro dos arcos (também já comi no Bar de la Mer e estava uma delícia) e barraquinhas que ficam no calçadão mesmo. A cidade é o paraíso pra quem curte frutos do mar e quer comer mariscos fresquinhos.

Restaurante na beira da praia em Brighton - Sete Mil Km - Um dia em Brighton

Também é na orla que se encontram outras três atrações super fotografadas em Brighton: o pier destruído, as casinhas coloridas e o parque de diversões.

O West Pier, que teve seus dias de glória no começo do século XX quando chegou a abrigar até uma casa de espetáculos, estava abandonado há alguns anos quando foi completamente destruído por dois incêndios em 2003. As ruínas do píer continuam no mar e viraram um cartão postal inusitado, ainda mais pelo contraste com o outro píer em funcionamento.

Píer destruído em Brighton - Sete Mil Km - Um dia em Brighton
Píer e parque de diversões em Brighton - Sete Mil Km - Um dia em Brighton

NÃO DEIXE DE VISITAR O PÍER…

Nenhum dia em Brighton está completo sem uma passadinha no Brighton Pier! Além de oferecer a melhor vista da orla, o píer também é uma parada obrigatória em qualquer viagem a Brighton por causa do seu parque de diversões.

Como dá pra ver no vlog dessa vez ficamos só nos joguinhos de pescar bonecos de pelúcia, mas quero voltar pra experimentar os outros brinquedos, andar numa montanha-russa em cima da água (imagina como a vista deve ser incrível!) e claro, comer pipoca, algodão doce e sorvete ;)

Píer e parque de diversões em Brighton - Sete Mil Km - Um dia em Brighton
Vista da orla de Brighton, Inglaterra - Sete Mil Km - Um dia em Brighton
Vista do píer de Brighton, Inglaterra - Sete Mil Km - Um dia em Brighton
Cabanas coloridas na beira da praia, Brighton, Inglaterra - Sete Mil Km - Um dia em Brighton
Torre de observação em Brighton - Sete Mil Km - Um dia em Brighton

…E AS CASINHAS COLORIDAS

Bem depois do British Airways i360, a torre de observação imensa que fica na beira da praia (preciso subir na próxima vez que estiver em Brighton!), continue andando até chegar em Hove, uma cidade tão perto de Brighton que são consideradas uma coisa só. É lá onde estão as casinhas coloridas, mais um cartão postal de Brighton e um clássico das praias inglesas.

Mas nem se anime porque as casinhas custam caro – mais precisamente alguns milhares de libras (algumas chegam a 20 mil!) e funcionam como depósitos pra guardar cadeiras de praia, toalhas, mesinhas etc. Algumas também são transformadas mini salas ou escritórios, e não vou mentir: queria uma pra mim!

Casinhas coloridas na beira da praia, Brighton, Inglaterra - Sete Mil Km - Um dia em Brighton

COMO CHEGAR EM BRIGHTON

Um dos passeios bate e volta mais fáceis de fazer a partir de Londres, Brighton fica a pouco menos de uma hora de trem da estação London Victoria ou London Blackfriars. Uma passagem de ida e volta custa cerca de £25, mas comprando com antecedência e em certos horários dá pra conseguir passagens até por £12.

Não sei se é por causa do sol, o cheiro e o barulho do mar, ou o ritmo mais devagar que toda cidade praiana tem, mas a verdade é que eu me mudaria pra Brighton sem pensar duas vezes! Tanto que passei o vlog tentando convencer o boy a se mudar pra lá, mas trabalhando em Londres ficaria bem complicado/caro ir e vir de Brighton todo dia…

Mas tudo bem. Em alguma segunda qualquer, quando a saudade da praia bater de novo, vou pegar meu laptop, comprar uma passagem de trem e ir passar mais um dia em Brighton, de preferência trabalhando lá do primeiro andar do Lucky Beach sentindo o cheirinho do mar. Essa vida de home office tem seus pontos positivos, né gente? :-)

  • Vai passar mais do que apenas um dia em Brighton? Reserve seu hotel no Booking.com usando o link ou banner do blog. Além de oferecer segurança, super promoções e a opção de cancelamento gratuito, você ainda me ajuda a manter o Sete Mil Km no ar sem pagar nada por isso. Muito obrigada! :-)
  • Me siga nas redes sociais para acompanhar todas as viagens e dicas em tempo real: InstagramYouTubeSnapchatFacebook e Twitter. Também compartilho muita inspiração de viagens que fiz e quero fazer no Pinterest do blog!

RELATED POSTS

  • Fernanda Oliveira

    Que surpresa esse post… imagino Inglaterra toda linda assim mas claro que pensava somente em
    Londres, Manchester e Liverpool rsss. Uma grande recomendação para eu guardar na minha lista de desejos quando eu estiver de visita pela terra da rainha :)

  • Amanda Cardozzo

    Nossa amei a indicação. O lugar parece ser muito lindo e apaixonante já vou guardar essa recomendação pois amooo praia ???.

  • Erika Gm

    Apenas de olhar suas fotos me senti em Brighton , que lugar maravilhoso é esse em? transmite uma paz, uma leveza e isso só de olhar as fotos, imagina passear aí. Super amei sua indicação, as fotos ficaram lindas <3
    Beijos

  • Carol Nakamura

    Ai meu Deeeus, estou amando seu blog! Todos aqueles lugares na categoria Viagens você ja foi? :O Eu tinha decidido fazer um blog de viagens, mas depois de ganhar neném parei um pouco com as viagens hahah

  • Erika Rhayanna Torres

    Fiquei encantada com este lugar apenas de olhar. Muito encantador é charmoso. O primeiro restaurante que é todo branco por fora se parece muito com o restaurante que aparece no final do filme “Como eu era antes de você” deu até um aperto no ?!!